Google+

O PET

O Programa de Educação Tutorial (PET) é um programa do governo federal brasileiro de estímulo a atividades de pesquisa, ensino e extensão universitárias, no nível de graduação.

O programa foi criado em 1979 com o nome de Programa Especial de Treinamento. Apesar de ter continuado com a mesma sigla, o programa passou por diversas modificações durante os anos.

Segundo a SESu MEC (órgão ao qual o PET é subordinado), o objetivo do programa é:

“a melhoria do ensino de graduação, a formação acadêmica ampla do aluno, a interdisciplinaridade, a atuação coletiva e o planejamento e a execução, em grupos sob tutoria, de um programa diversificado de atividades acadêmicas.”

O Programa de Educação Tutorial constitui-se em uma modalidade de investimento acadêmico em cursos de graduação que têm sérios compromissos epistemológicos, pedagógicos, éticos e sociais. Com uma concepção baseada nos moldes de grupos tutoriais de aprendizagem e orientado pelo objetivo de formar globalmente o aluno, o PET não visa apenas proporcionar aos bolsistas e aos alunos do curso uma gama nova e diversificada de conhecimento acadêmico, mas assume a responsabilidade de contribuir para sua melhor qualificação como pessoa humana e como membro da sociedade.

Para isso, os integrantes do PET realizam atividades de pesquisa (Iniciação Científica), ensino (aprendizado, apresentação de seminários e mini-cursos, etc) e extensão (organização de eventos e participação em projetos sociais) com o objetivo de garantir aos alunos do curso oportunidades de vivenciar experiências não presentes em estruturas curriculares convencionais, visando a sua formação global e favorecendo a formação acadêmica, tanto para a integração no mercado profissional como para o desenvolvimento pessoal.

Atualmente, existem cerca de 842 grupos espalhados em 121 Instituições de Ensino Superior (IES) em todo o país. Todos esses grupos podem ter até 18 integrantes discentes além do tutor (docente). Desses, 12 podem ser bolsistas e 6 voluntários.

Na USP existem 23 grupos PET sendo que 2 estão no Campus de São Carlos, o grupo PET Química e o PET Computação.

O PET Computação foi criado em 1995 quando o Programa ainda era Especial de Treinamento, voltado à pós-graduação. Hoje, com 20 anos, realiza vários projetos de grande respeito no Instituto, sendo um grupo bastante lembrado pelos alunos.